Seja Reclamado

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Seja Reclamado

Mensagem por Nyx em Seg 3 Set - 16:55

Relembrando a primeira mensagem :




Ficha de Reclamação

Se deseja ser reclamado você veio ao lugar certo Convidado
Se deseja ter um progenitor divino poste a ficha abaixo, porém não vão ser aceitas fichas para filhos de Zeus, Poseidon, e Hades já que estes necessitam de teste.

Ficha de Reclamação


Nome:
Idade:
Progenitor:
Motivo: [Minimo 2 linhas]
História: [Minimo 5 linhas]





créditos a Heltastic (Lilith) do TDN


Código:
<center><div style="width: 470px; background-color: #000000; padding: 10px; border-left: 25px solid #999999;"><link href='http://fonts.googleapis.com/css?family=Junge' rel='stylesheet' type='text/css'>
<div style="width: 450px; padding: 10px;font-family: 'BernhardTango BT', serif; font-size: 25px; color: #999999; letter-spacing: 1px; text-transform:uppercase; "><center>Ficha de Reclamação</center></div>
<div style="width: 440px; background-color: #999999; padding: 10px; font-family: arial; font-size: 11px; color: #000000; text-align: justify; letter-spacing: 1px; border-left: 5px dotted #999999; line-height: 1.1; ">
Nome:
Idade:
Progenitor:
Motivo: [Minimo 2 linhas]
História: [Minimo 5 linhas]
</div>

<div style="width: 430px; padding: 20px; border-right: 5px dotted #999999; font-family: arial; font-size: 9px; color: #000; text-align: justify; line-height: 1.2; ">

<P></P>
[color=#333333]créditos a Heltastic (Lilith) do TDN[/color]</div></div></center>


Última edição por Nyx em Dom 14 Out - 22:52, editado 2 vez(es)



And I could belong to the night...
NYX | PERSONIFICATION OF NIGHT | ADM MASTER U.U
but I am the night
avatar
Nyx
Deuses Primordiais
Deuses Primordiais

Mensagens : 61
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1000000000000000
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://percy-12olimpianos.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Seja Reclamado

Mensagem por Dionísio em Seg 29 Out - 18:30

Bem vindo, filho de Hermes


Take a bit of my heart tonight
Dionísio
avatar
Dionísio
Olimpianos
Olimpianos

Estado Civil : Namorando
Mensagens : 9
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 26

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Dolan.W.Greymore em Seg 29 Out - 21:49

Nome: Dolan.W.Greymore
Idade:16
Progenitor:Éolo
Motivo: [Sua calma , Habilidade com o ar algo que seria muito util em meio do campo do campo de batalha , O ar esta em todo local então a jogabilidade e minha interpret dentro do forum seria mais interessante , Outro bom motivo e por Éolo não ser '' mal '']
História: [Ao aniversario de 16 anos de idade, Dolan e Leonardo se dirigiram a uma simples festa que era para ser surpresa, Porem em direção ao local ambos se perderam , Diante disto uma criatura cujo portaria asas e enormes garras surgiu atacando-nos, Porem ao se aproximar Leonardo cujo seria um cadeirante realizou um enorme pulo e desafiou-a , O mesmo se revelaria ser um centauro ao fim da batalha , Apos isto se despedimos de minha familia , De fato a mesma estava em perigo porem aquilo era preciso , Feito isto fomos ate o acampamento meio sangue e hoje estou aqui a procura de encontrar a verdade sobre mim.]
avatar
Dolan.W.Greymore
Children of Éolo
Children of Éolo

Estado Civil : Forever Alone
Mensagens : 17
Data de inscrição : 29/10/2012

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 28
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Eos em Ter 30 Out - 7:22

Ficha aprovada, porém, há muito para melhorar.
avatar
Eos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 69
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 100000000
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Rebekah M. H. Copperfield em Ter 30 Out - 9:11


Ficha de Reclamação


Nome: Rebekah M{adelyne} H{amony} Copperfield
Idade: 17 anos
Progenitor Divino: Eos
Motivo: Gosto muito da deusa Eos apesar dela não ser conhecida por muitos, além disso a história sobre a maldição dela me atrai muito apesar de achar a maldição em si muito injusta. Além disso ela demonstra o quanto o amanhecer e a aurora podem ser belos.
História:
Era mais uma manha como outra qualquer, a tipica rotina de uma adolescente de 15 anos, não teria como não me recordar desse dia apesar de ter feito quase o mesmo que fazia sempre que acordava.
Me virei na cama olhando em direção ao teto, e em questão de segundos eu já estava de pé, e em minutos já havia trocado de roupa para mais um dia de aula, eu odiava aquele tipico uniforme de colégio interno, e sim eu estudava em um, a única vantagem era que eu pelo menos até o momento não estava sendo obrigada a dividir o quarto com ninguém, e provavelmente meu pai deveria me odiar porque sabia o quanto o colégio me incomodava, geralmente quando eu ia para casa nas ferias um dos assuntos no qual eu mais tocava era o quanto eu odiava aquele colégio.
Sai pelo corredor logo deixando a ala dos dormitórios e descendo algumas escadas, precisava espairecer um pouco e o jardim era um dos únicos locais que me fazia bem ali por ser ao ar livre, não que eu goste de plantas, elas apenas são melhores que a companhia de certas pessoas.
O sol estava forte mas eu de certa forma não me importava, se depende-se de mim passaria horas ali.

(18 h Later...)

1:00 AM; Jardim:
Sabe, sair escondido sempre foi uma arte, principalmente quando se tem monitores que ficam circulando de um lado para o outro verificando se há alguém fora dos dormitórios, na verdade é simples engana-los é só fazer parecer que você está dentro do quarto.
Eu realmente não deveria estar no jardim de madrugada mas eu não tinha culpa por sofrer de insonia muitas vezes, além disso, que perigo havia ali?
(Na verdade muito mas eu não tinha conhecimento na época)
O local estava extremamente silencioso até esse silêncio ser quebrado por barulhos de galhos quebrando, já de início achei um pouco estranho e esse barulho só poderia vir da árvore a qual eu estava a cerca de 2 metros de distância.
Olhei em direção ao local e por um momento algo pareceu se mexer, me levantei, não tinha um bom pressentimento sobre aquilo. Comecei a caminhar de volta ao prédio do colégio, vi um dos monitores parado em frente a porta, ele olhava na minha direção de braços cruzados, eu automaticamente pensei "Me ferrei" isso para não dizer outra coisa.
-O que faz aqui fora? - Ele perguntou ainda permanecendo no mesmo local.
-Ahn... eu.. - É eu estava tentando arranjar uma desculpa. -Não estava me sentindo muito bem então sai um pouco.
-Hum... Ok mas agora vá para o quarto, está tarde, dessa vez eu deixo passar. - Revirei os olhos e segui em frente.
Assim que dei alguns passos mais a frente vi um cão parado próximo a alguns arbustos ele se aproxima lentamente como que prestes a atacar, ele era maior que o comum e possui também outro detalhe incomum, olhos avermelhados que era possível se ver apesar da escuridão.
-Ei cara, tem um cachorro ali.. - Apontei em direção ao local onde havia o visto mas ele não estava mais ali.
-Onde?
-Deixa pra lá - Talvez fosse apenas fosse minha mente pregando peças então preferi realmente deixar para lá.
Isso é, eu realmente teria deixado se não fosse a dor aguda que senti naquele momento. Olhei em direção a minha perna e ali apenas restara uma marca de mordida e o sangue escorrendo do ferimento, foi como se eu ficasse paralisada por um momento já que sempre tive um certo pavor de sangue, a única coisa que pude ver foi o monitor atingindo o cão com algo que não vi bem o que era e em segundos este se transformou em um pó dourado, eu definitivamente deveria estar ficando louca.

FOST NUMBER: 000 ~ MADE BY: LOLLIPOP @ SA


avatar
Rebekah M. H. Copperfield
Indefinido
Indefinido

Mensagens : 2
Data de inscrição : 26/10/2012
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Eos em Ter 30 Out - 9:19

Reclamada *--*
Seja bem vinda filha *0*
avatar
Eos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 69
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 100000000
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Dolan.W.Greymore em Ter 30 Out - 13:50

A ultima vez que fiz o teste por algum motivo fui aceito porem não me botaram como filho de Éolo então pelo que corrija isto. ^^"
avatar
Dolan.W.Greymore
Children of Éolo
Children of Éolo

Estado Civil : Forever Alone
Mensagens : 17
Data de inscrição : 29/10/2012

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 28
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Eos em Ter 30 Out - 13:58

Você foi colocado como filho de Éolo sim, no momento n a rank e a cor é um cinza escuro, peço paciência quanto ao rank.
avatar
Eos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 69
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 100000000
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hadassa W. Undersee em Ter 6 Nov - 17:55


¤ Ficha de Reclamação ¤


♦ Nome: Hadassa Wayne Undersee
♦ Idade: 12 anos
♦ Progenitor: A deusa da vitória, Nice.
♦ Motivo: Deusa da vitória, representada por uma mulher com asas e a vitória. Pensando bem, não seria ótimo você ser filho da deusa da vitória? Apesar de ser pouco reconhecida, a deusa por muitas vezes esteve encontrada com Atena, a deusa da sabedoria. Não que queira ser filha de Nice, para dizer que posso vencer tudo, se não posso não é? Mais Nice, é uma ótima deusa. Realmente, ÓTIMA! Sempre vitória para cá, vitória para lá, Hadassa nunca foi tão vitoriosa. Quero ser filha da deusa da vitória, por admirá-la, e ter o grande desejo, da vitória.
♦ História: Hadassa, era uma menina muito sozinha e muito perdedora. Vivera com seu irmão, Matthew, durante 5 anos, após ser levada à um internato. Sim, internato. Vivia em Los Angeles, e foi para o internato mais próximo. Tinha a tendência de ser mentirosa, briguenta e um pouco arrogante.

O internato, foi uma boa escolha. Não para Hadassa. Mais sim, para seu pai. Ela nunca havia encontrado sua mãe e bem... Nunca havia nem escutado seu nome. Era aquelas mentiras sabe? Hadassa nunca acreditava, por mais que talvez alguma fosse verdade. Recebeu a notícia que seu pai estava morto e Matthew se dirigiu para um orfanato de freiras. Devia ter sido pior que meu destino.

Sim, tive de ir para outro orfanato após terminar meu período desejado por meu pai, antes de sua morte. Ele era bom... Legal. Fiquei apenas 2 anos e estava livre. Quer dizer, não tão livre assim. O orfanato tinha aquelas restrições chatas, e todas certinhas. Hadassa odiava gente assim. Ao chegar os 10 anos, já tinha meus estudos, e um desejo para o futuro: vencer. A coisa de sempre perder, atormentava Hadassa e por isso, tinha o desejo de vencer! Vencer!

Mais isto não era o que vinha pela frente. Sentada no jardim do orfanato, olhava os narcisos e lírios. Tão belos, que dava vontade de arrancá-los e ficar com eles, mas uma das restrições proibia isto. Hadassa começara a se acostumar a ser certinha por algum motivo. Sentiu alguém tocar seu ombro. A mão fria e uma respiração ofegante. Hadassa se virou para trás e viu um garoto jovem, mas um pouco mais velho que ela. Os cabelos castanhos, olhos azuis. Matthew. Pulei nele, dando-lhe um abraço cheio de saudade.
-- Vamos sair daqui Srta. Undersee. Agora.
Eu ri um pouco.
-- Não podemos. As freiras não iram permitir. Aliás, como entrou aqui?!
Ele não me respondeu. Puxou meu braço e em rápidos passos, chegamos no portão da frente. Duas freiras pareciam aguardar que nós tentássemos sair. Ela pegou meu pulso e a outra pegou Matthew. Dei uma cotovelada na que me segurava e Matthew contra-atacou a outra freira. Saímos correndo, mas as freiras não deixaram barato. Uma imagem horripilante. As freiras, pareciam sair de seu 'disfarse' de freira, abrindo uma nova pele cinzenta, com rosto horripilante e asas assustadoras.
-- Fúrias!
Gritou Matthew, me puxando. Entramos em um carro e ele pisou fundo. O carro saiu rapidamente e as freiras ou fúrias, continuaram nos seguindo. Entramos em ruas, becos, estradas e conseguimos despistar as criaturas. Seguimos para dentro de uma floresta, em Long Island.
-- Você acha que elas não vão nos encontrar aqui? Rápido, vamos para outro lugar. Quem sabe a casa da tia Marie?
-- Cale a boca! -- gritou arrogante, Matthew.
Fiquei calada. Paramos em frente à um portal. Um pinheiro grande, tinha um tecido cintilante 'pregado' em um de seus galhos. Um dragão guardava aquele local. Entramos por uma espécie de portal, descobrindo algo que parecia uma cidade. Só que dentro de uma floresta e... Bem diferente.





créditos a Heltastic (Lilith) do TDN
avatar
Hadassa W. Undersee
Children of Nice
Children of Nice

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 2
Data de inscrição : 06/11/2012

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Nyx em Ter 6 Nov - 19:12

Ficha excelente, reclamada, seja bem vinda filha de Nice.



And I could belong to the night...
NYX | PERSONIFICATION OF NIGHT | ADM MASTER U.U
but I am the night
avatar
Nyx
Deuses Primordiais
Deuses Primordiais

Mensagens : 61
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 21

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1000000000000000
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://percy-12olimpianos.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Sidney M. Hilfiger em Dom 11 Nov - 16:25


Let's be Reclaimed!


Nome: Sidney {Marie} Hilfiger
Idade: 17
Progenitor: Ares
Motivo: Eu sempre apreciei muito o Deus, que apesar de ser mal visto por muitos, sei que ele, apesar de ser o deus da guerra, é justo, e só briga com quem merece.

História: A luz que batia forte em minha janela atravessava o grande quarto da casa. O que esse dia ensolarado guardava para mim? Um 10 na prova de biologia? Batatas fritas para o almoço? É, seria um pouco mais complicado do que enfrentar uma fila quilométrica para pegar minha comida preferida. Levantei da cama, cercada por minhas quatro paredes rosa-bebes. Coloquei minha pantufa de coelhinho e sorri, lembrando o dia que isso chegou em uma caixa vermelha na porta da minha casa.
"AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH"
Arregalei os olhos e corri o mais rápido que pude de onde vinha o grito, a sala de estar. Olhei para a minha mãe, com o rosto sangrando, se defendendo de um dragão azul por apenas uma mesa.
-Mãe!!
-Corre Sidney! Foge daqui!
Meu coração batia 100 vezes por segundo, eu não sabia o que fazer. O dragão olhou na minha direção e eu congelei. Olhei para o armário de espadas samurais que meu tio colecionava e as deixava em casa. Minhas pantufas de coelhinho nunca foram tão fora de.... situação. Abri a porta e peguei a maior espada que tinha. Eu não sabia o que estava fazendo. Eu odiava briga de qualquer tipo. Eu nunca encostei naquelas espadas nos meus 17 anos. 'Um dia você vai precisar'. As palavras do meu tio ecoavam na minha cabeça. Eu me sentia tão poderosa com a espada na minha mão, como se nada mais importassse, do que matar aquele animal bem a minha frente. Ele veio em minha direção e minhas pernas começaram a se mexer sozinha, minha cabeça pensando em mil planos para matar o dragão. Eu corri para o sofá e pulei em cima de uma mesa ali perto. Ele me seguiu e soltou fogo pela sua boca. Eu me abaixei e depois pulei em sua direção, de algum jeito sabendo onde tinha que enfiar a espada: seu olho. E assim o fiz, fazendo com que o dragão estremecesse, jogasse seu rabo em mim, me jogando para junto da minha mãe, e se transformando em pó.
-Vamos semi-deusa. Não temos muito tempo.
Falou o meu melhor amigo, que agora estava do meu lado, sem as muletas e com pernas... de bode. Mal sabia eu que eu era filha do deus da guerra, e estava prestes a ir para casa.
Thanks Vitória Paura @ ETVDF
avatar
Sidney M. Hilfiger
Children of Ares
Children of Ares

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 1
Data de inscrição : 11/11/2012
Localização : Everywhere

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Lissa em Seg 12 Nov - 18:26

Reclamada, seja bem vinda Very Happy


Goddess of Madness
• "Somebody mixed my medicine, I don't know what I'm on...Somebody is in my head again" •
avatar
Lissa
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 50
Data de inscrição : 12/09/2012

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Megan F. Schätoper em Sab 17 Nov - 14:12

ATENÇÃO A FICHA AINDA NÃO ESTÁ PRONTA



Nome: Megan F. Schätoper
Idade: 15
Progenitor: Ares, o Deus da Guerra.
Motivo: Muitos acham que Ares é um deus "mal", pois ele é o deus da guerra. Mas
História: [Minimo 5 linhas]



avatar
Megan F. Schätoper
Indefinido
Indefinido

Mensagens : 1
Data de inscrição : 17/11/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Well Zagrio em Sab 15 Dez - 20:46


Nome: Well Zagrio
Idade: 16 Anos
Progenitor: Dionísio
Motivo: Sempre fui de Beber, adoro Festas e acho Dionísio o meu Ídolo, e acho que Herdei uma de suas Habilidades: A de não decorar Nomes. Raramente eu decoro nomes de personagens de Novela ou da Vida Real, mas é impossível eu não decorar nomes de Personagens, e para decorar os nomes das pessoas e levo um certo tempinho....
História: Disléxico. TDAH. Notas Baixas, muito Problemático, pegador, idiota, tipico garoto do "Fundão". Se eu gostava disso? Não, eu odiava. Daria tudo para ser um nerd... Entenda:
Minha mãe tem problemas Mentais
Meu Padastro vive implicando com minhas notas baixas, mas é um ótimo pai e cuida muito bem da minha mãe e de mim
Amigos? Quase nenhum
Namoradas? Só se for pelo dinheiro que eu tenho
O Dia raiou e eu já estava saindo de casa para ir para meu Inferno Particular quando ouço meu amigo cadeirante me chamando, Kayo, Kayo sempre foi estranho, as vezes parece um bode e uma vez pude jurar ver-lo comendo uma Lata de Coca-Cola Light, mas tirando isso é um òtimo Amigo.
- Bom Dia Wellington! - Ele disse Alegre
- Kayo, isso não é um comercial de TV, Bom Dia? É SEGUNDA-FEIRA E VOCÊ ME DIZ BOM DIA??!!! - Gritei estressado
Kayo me olhou assustado, mas... Ele não estava olhando para mim, estava olhando Para Atrás de mim. Pensei que fosse meu padastro com lições de Bom Modos, mas quando me viro tinha algo não desse mundo, era metade Galinha Metade Leão... Eu acho que já tinha lido sobre ele... Era um Grifo? Ele fez um Barulho Estranho e se levantou sobre mim como um Cavalo pronto para me pisotear, cobri meu Rosto com meus braços e esperei minha morte que estava demorando... Abro uma fresta de meu olho e vejo o Grifo, ou seja lá o que for aquela coisa, tentando lutar com Pareias de Uvas que pareciam de aço prende-lo no chão e o sufoca-lo, por um momento fiquei com pena do Grifo, mas estava assustado de mais para fazer qualquer coisas. Então PUFT! Um Bicho explodiu em Purpurina, parecia um Carnaval, me virei lentamente para Kayo e... Ele era METADE BODE! TÁ ACREDITANDO NISSO?? METADE BODE! Então eu desmaiei e acordei em uma espécie de Enfermaria
avatar
Well Zagrio
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 1
Data de inscrição : 15/12/2012
Idade : 19

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Luke Ryan em Dom 16 Dez - 15:21

Nome:Luke Ryan
OBS: Já enviei uma mensagem para trocar o sobrenome.
Idade:16

Progenitor: Iris

Motivo: Assim como Iris, sou amigável e companheiro. Gosto muito da da deusa por ser responsável por uma das coisas mais lindas do mundo: O arco iris.

História: Nasci numa cidade do interior, não sabia nada sobre mim a não ser quer fui adotado ainda bebê. Não conhecia meus pais biológicos, mas sentia que era especial. Quando tinha oito anos, meus pais adotivos disseram que eu tinha um pai e que eles sabiam quem era. Fiquei muito feliz, mas só por um minuto. Quando eu disse que ''tinha'', estava falando sério, eu tinha um pai até um dia antes de me falarem que ele existia. Fui no enterro dele e o vi pela primeira e última vez. Fiquei impressionado quando vi que ele se parecia comigo mais que imaginava. Me disseram que ele morreu enquanto estava no Egito, fazendo expedições. Era um historiador e arquiólogo, conheceu minha mãe, que ninguém sabia quem era, na minha cidade natal. Ele teria vindo para desvendar mistérios de uma caverna desconhecida da região. Por íncrivel que pareça ele morreu com um sorriso no rosto. Depois de todos terem ido embora, fiquei por um tempo para examinar a lápide. Um brilhante arco iris apareceu do nada contornando o túmulo sem ao menos chover e o nome do meu pai brilhou na pedra como fogos de artifício. Ele se chamava Robert Ryan, agora sabia porque meu sobrenome não era igual á dos meus pais adotivos, queriam preservar a família Ryan, sabendo que não restavam muitos ainda. Cinco anos depois, descobri coisas esquisitas sobre mim que não sabia. Meus pais me contaram que quando tinha só cinco meses, uma aura com as cores do arco iris me envolvel como um escudo sintilante. Também contaram que uma vez, quando eu tinha três anos, uma arco iris me perseguiu enquanto eu corria no campo. Já não sabia o que eu era, mas sabia que o arco iris tinha alguma coisa a ver de onde eu vim, da minha mãe. Todos os dias depois disso minha cabeça girava de confusão. Ia muito para uma cachoeira perto da minha cidade para pensar e ler um pouco. Um dia eu acabei dormindo com o livro no rosto e tive um sonho muito estranho: Eu estava num túnel e corria para tentar sair dele, quando finalmente consegui sair, percebi que estava numa colina com um pinheiro e abaixo um acampamento enorme. Enquanto eu tentava adivinhar onde eu estava, um arco iris chegou voando como uma serpente, se esticou indo do topo da colina ao acampamento como um tapete. Deu pra entender que eu precisava descer, já que ouvia barulhos de feras atrás de mim. Pulei em cima do ''escorregador'' e a medida que ia descendo minha visão ia ficando cada vez pior, até que uma voz doce de uma mulher disse: - Venha, você precisa vir. Eu acordei bem naquele lugar do sonho, sentando no pé da colina, admirando o acampamento. E junto comigo estava uma mochila e uma carta na minha minha mão com letras grandes dizendo:

Agora você está seguro, não se preocupe com seus pais. Eles já sabem onde está. Desejo que você seja muito feliz.

Sua mãe I.

Me levantei e me deparei com criaturas da mitologia grega, iguais ás dos livros que lia. Um centauro chegou, sorriu e me disse: - Bem vindo, filho de Iris.
Naquele mesmo momento percebi que era um semideus, eu era filho da deusa do arco iris.
avatar
Luke Ryan
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Namorando
Mensagens : 2
Data de inscrição : 16/12/2012
Localização : Acampamento Meio-Sangue

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Sex 21 Dez - 12:20

Well Zagrio - Reprovado. Preste atenção em maiúsculas no meio da frase. Organize melhor. Use o Word ou semelhantes para corrigir. Também arrume o avatar.

Luke Ryan - Aprovado. Ficha aceitável.
Ambos: Usem cores para destacar o texto. Sem exageros, claro.
avatar
Hefesto
Olimpianos
Olimpianos

Mensagens : 88
Data de inscrição : 11/09/2012

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: ∞
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Lucas Santos em Sex 18 Jan - 14:54


Ficha de Reclamação


Nome: Lucas Santos
Idade: 15 anos
Progenitor: Apolo sunny

Motivo: Sou ótimo com poesias, músicas, arco e flecha (brinco desde criança) e também sou lindo!
História: No dia da festa de meu 12º aniversário eu estava na beira de uma piscina à luz do Sol, foi quando a água da piscina começou a borbulhar e de dentro dela saiu um monstro muito estranho saiu dela (com o susto eu não consegui ver que monstro era), minha única reação foi pegar uma cadeira de praia que estava ao meu lado e bater no monstro com ela, mais não foi o suficiente para detê-lo, então corri para a coleção de armas de meu padrasto e peguei um arco e algumas flechas e (desde criança eu brincava de arco e flecha com pontas de ventosas) resolvi atira-las no monstro que na primeira flechada virou pó e sumiu. Depois de alguns dias de volta a escola conheci um garoto estranho, que descobri ser um sátiro mais tarde. Esse sátiro me levou para o acampamento meio-sangue onde fiquei no chalé 11 (Hermes). Essa é a minha história.





créditos a Heltastic (Lilith) do TDN
avatar
Lucas Santos
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 1
Data de inscrição : 18/01/2013
Idade : 19
Localização : São Paulo-Brasil

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Danny di Cassia em Qua 30 Jan - 13:56


Nome:
Danny di Cassia
Idade:
14 anos
Progenitor:
Nyx
Motivo:
Eu sempre fui muito ligada com as coisas míticas e místicas do mundo.Sempre fui atraído por magia, crenças e outras coisas que muitas pessoas não acreditam que existe, e sempre senti que na noite eu sou mais forte.
História:
Eu nunca tive TDAH, mas tinha um problema: era hiperativa. Uma única coisa me atraia, e era livros sobre magias e feitiços. Muitos diziam que eu era filha de Atena no Olimpo, pois fui criada lá pelos deuses para não ser atacada por monstros. Sempre carrego um livro na mão, que geralmente fala de como realizar feitiços. Todas as deuses me tratavam como se fossem minhas mães, e me mandaram para o acampamento para ser finalmente reclamada. No meu aniversário de 13 anos, o símbolo de Nyx apareceu sobre a minha cabeça.
avatar
Danny di Cassia
Indefinido
Indefinido

Mensagens : 3
Data de inscrição : 30/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Filha da Noite em Seg 11 Fev - 14:31

Nome: Jessika

Idade: 12

Progenitor: Nyx e Érebo

Motivo:

Como alguns dizem filha da união proibida , mas eu nao ligo muito afinal eles já estao casados mesmo . Que casal de casados [Avá serio mesmo que sao um casal de casados ] fica quieta e deixa eu continuar , bom que casal nao tem filhos , bom e dessa uniao , eu nasci , normal né ,

História:

Bom eu nunca fui normal mas em um dia em especial eu estava na minha aula de matematica e a minha professora virou uma furia e me atacou e o meu melhor amigo ganhou pernas de bode Neutral e quando eu cheguei em casa meus pais me disseram que eu era adotada , normal né ai o meu maravilhoso amigo me trouce ao acampamento , e até agora eu estou no chalé de Hermes entao faça o favor e me reclame logo por favor , eu nao aguento mais ficar lá e eu quero ir para o meu verdadeiro chalé , entao vai logo eu nao estou aguentando é muita bagunça Shocked
ass : sua filha linda e fabulosa
avatar
Filha da Noite
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 1
Data de inscrição : 11/02/2013
Idade : 16

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por jodie long island em Qua 27 Mar - 21:20

Nyx escreveu:



Ficha de Reclamação

Se deseja ser reclamado você veio ao lugar certo Convidado
Se deseja ter um progenitor divino poste a ficha abaixo, porém não vão ser aceitas fichas para filhos de Zeus, Poseidon, e Hades já que estes necessitam de teste.

Ficha de Reclamação


Nome: Jodie long island
Idade:14 anos
Progenitor:ares
Motivo: sou uma pessoa totalmente agressiva que me estresso facilmente adoro humilhar as pessoas e discrimino quem não vive como meu cotidiano adoro brigas e não tenho medo de quase nada
História: eu estava voltando do colégio sozinho como sempre e notei algo de diferente no ar não que aquele caminho fosse uma boa escolha para se andar ao anoitecer mas havia algo de mt estranho no ar como num estante ouvi a voz de minha mãe gritando pelo meu nome e estranhamente aquele som vinha de um prédio abandonado que existia no caminho entrei e de novo escutei a voz de minha mãe segui o som mas e teria me surpreendido se não fosse tão cético sobre certas coisas eu avistei um ciclope gigante ele tentou me acerta mas eu me esquivei facilmente ele pronunciou que devia mesmo ser filho de ares e antes que pudesse opinar sobre o assunto ele me acertou com a clava que levava mas para a infelicidade do monstro aquilo não me abalou tu0do quanto ele esperava pelo contrario aquilo me fez irar me dando ainda mas força que foi minha arma de combate conta a fera que a cada tentativa frustrada de ataque eu lhe acertava com contra-ataque brutal que ao meu ver parecia doloroso ao monstro depois de alguns minutos apanhado o monstro se cansou e tentou me dar um golpe de misericórdia abaixou sua envergadura cometendo seu maior erro ele abaixo o suficiente para que eu pudesse saltar e me prender em seu rosto puxei da cintura a faca que carregava na cintura e perfurei o olho dele sem parar o cada gota de sangue que saia do olho do ciclope e tocava minha pela eu sentia mas força e ódio dele e acima de tudo prazer dos urros de dor dele e por instante me compadeci da besta e cortei-lhe a garganta o matando instantaneamente e naquele momento tive a certeza que nada seria igual eu era o PRINCIPE DA GUERRA





créditos a Heltastic (Lilith) do TDN


Código:
<center><div style="width: 470px; background-color: #000000; padding: 10px; border-left: 25px solid #999999;"><link href='http://fonts.googleapis.com/css?family=Junge' rel='stylesheet' type='text/css'>
<div style="width: 450px; padding: 10px;font-family: 'BernhardTango BT', serif; font-size: 25px; color: #999999; letter-spacing: 1px; text-transform:uppercase; "><center>Ficha de Reclamação</center></div>
<div style="width: 440px; background-color: #999999; padding: 10px; font-family: arial; font-size: 11px; color: #000000; text-align: justify; letter-spacing: 1px; border-left: 5px dotted #999999; line-height: 1.1; ">
Nome:
Idade:
Progenitor:
Motivo: [Minimo 2 linhas]
História: [Minimo 5 linhas]
</div>

<div style="width: 430px; padding: 20px; border-right: 5px dotted #999999; font-family: arial; font-size: 9px; color: #000; text-align: justify; line-height: 1.2; ">

<P></P>
[color=#333333]créditos a Heltastic (Lilith) do TDN[/color]</div></div></center>
avatar
jodie long island
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Matando cachorro a grito
Mensagens : 1
Data de inscrição : 26/03/2013
Idade : 18
Localização : casa do caralho

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Sarah Parker em Sab 15 Jun - 12:16

Nome:
Sarah Parker
Idade:
13 anos
Progenitor:
Atena
Motivo:
Quero ser filha de Atena pois acho que ela é uma deusa especial e diferente dos outros.Muitas pessoas acham que sabedoria e guerra não se misturam, porém Atena é um diferencial que une as duas coisa, por isso ela me fascina sem falar que acho que nada supera inteligência e sabedoria.

História:
  Um sorriso altivo e orgulhoso.Não lembrava do rosto.Todo o resto parecia disforme.Só conseguia ver o sorriso.Essa era a única lembrança que eu tinha da minha mãe, já que eu nunca a conhecera.Vivia com meu pai, numa casa simples em Nova Iorque.
  Naquele dia, eu estava extremamente sonolenta.Passara a noite toda lendo e tivera que acordar cedo para ir à escola.Eu tinha dislexia e déficit de atenção, o que não me ajudava muito com a leitura, mas mesmo assim eu amava ler livros, já que eu não tinha praticamente nenhum amigo, os livros eram meu único refúgio ou rota de escape da minha vida sinistra.E quando digo sinistra, é sinistra mesmo.Eu vivia vendo vultos e criaturas que pareciam me perseguir.Sem contar o fato de eu estar sempre arrumando problemas e sendo expulsa de todos os colégios em que eu entrava, e tinha que ter consultas regulares com uma psicóloga, como se eu fosse uma maluca.
  Tomei meu café da manhã apressadamente e peguei o ônibus.A única coisa que me animava para ir à escola eram os passeios.Naquele dia, nós iríamos ao Museu de História Natural.Sempre me senti atraída por aquele lugar.Achava interessante e sempre quis vê-lo de perto, talvez por que tivesse muitas informações interessantes lá.
  No ônibus, me sentei perto da única pessoa que não me achava uma alienígena:Carter.Ele também era discriminado, então logo nos tornamos amigos.A pele era morena, tinha olhos castanhos e o cabelo Black Power tremulava com os solavancos do ônibus, sem mencionar o bigodinho, que o deixava com aparência de um jovem dos anos 60.
  Após alguns minutos, chegamos na escola.O Colégio Coliseu!Ficamos todos no pátio, que era coberto de grama e por sorte as árvores altas projetavam uma sombra fresca sobre nós.
  O professor de geografia, Sr. McPhee, já nos esperava.Seu jaleco estava sujo de pó de giz.Os óculos de lentes redondas projetavam os olhos num tamanho bem grande.Ele mexia freneticamente os braços, como se não conseguisse realizar só um movimente de cada vez.Apesar disso, era meu professor preferido.
  Ele fez a chamada e entramos no ônibus.Passei a viajem toda alheia, pedida entre meus devaneios.Depois de algumas horas chegamos.
  Todos os alunos tiveram que fazer fila.Mesmo assim, entramos bem desorganizadamente pelas grandes portas de cerejeira e começamos nosso passeio pelo local.
  Eu simplesmente estava amando tudo.O museu era bem grande.A sala da seção de fósseis tinha um piso em forma de mosaico que construía imagens da pré-história.Grossas colunas de mármore sustentavam o teto abobadado.
  Naquele momento, estávamos em frente a um fóssil enorme de T-rex.A cada nova informação, eu anotava tudo em minha caderneta de bolso.Enquanto isso, Carter quase caía no chão, de tanto sono.
  Estávamos quase chegando ao fim da seção quando, de repente, ouvi um estrondo e estilhaços dos vitrais me atingiram.Quando minha visão focalizou, vi que as janelas tinham sido quebradas e dois monstros terríveis se dirigiam à mim.Pelos meus conhecimentos, pude ver que eram as bestas mitológicas harpias:da cintura para cima tinham corpo magricela de mulher, com asas no lugar dos braços, olhos de precisos, como os de pássaro que mais pareciam duas fendas profundas.Os cabelos eram ruivos e oleosos, presos em tranças.Tinham pés ossudos de galinha, munidos de garras pontiagudas.Elas davam rasantes e se aproximavam cada vez mais.  

  Passei rapidamente os olhos pelo local em busca de meu amigo.Em meio ao tumultuo eu não consegui localizá-lo.Havia pessoas correndo de um lado para o outro, gritando em desespero.Foi neste momento que eu também entrei em desespero.Fiquei paralisada de medo por um tempo indeterminado.Só senti os dedos de Carter envolvendo meu pulso e me puxando de volta para o mundo real, porém, tarde de mais.As portas já tinham sido trancadas.Estávamos sozinhos com aqueles monstros:
  -O que vamos fazer?!
  -Fique calma Sarah, e só permanecer atrás de mim – Ordenou Carter, empunhando uma faca reluzente de bronze.
  Fiz o que ele disse.Normalmente eu quem tomava a frente da situação, mas naquele momento era Carter quem estava seguro de si e no comando.Fiquei feliz por isso.Se não tivesse ninguém para me dizer o que fazer, acho que eu teria surtado.
  Me encolhi atrás de Carter.Ele rasgava o ar com sua faca, porém a harpia desviava com velocidade.
  Acabei me distraindo com a luta, tanto que esqueci que tinha uma segunda harpia.Antes que eu pudesse me virar, senti as garras pontiagudas da besta apertando meu ombro.Quando me dei conta, já estava sendo carregada a 10 metros do chão.
  A criatura rumava para os vitrais quebrados.Se ela saísse do museu, eu sabia que estaria perdida.Felizmente eu ainda estava com a mochila nas costas.Num movimento rápido, peguei minha tesoura e finquei no pé da harpia, que me largou.O único problema era que eu caí , numa queda livre, mas felizmente eu não estava mais tão no alto assim.Outra coisa boa foi o fato de as alças da mochila terem me protegido contra as garras da harpia.Comecei a correr, porém o monstro era rápido e logo me alcançou.Ela deu um rasante, mostrando as garra para mim, porém me abaixei, desviando.
  Tentei me acalmar e analisar a minha situação.Eu não conseguiria fugir, então o que me restava era combatê-la.Precisava de uma arma.
  Olhei em volta, a procura de algo.Eu teria de improvisar.
  Me aproximei de um boneco de velociraptor e peguei o seu dedão, que possuía uma garra grossa, curva e pontiaguda.A próxima coisa que fiz foi bolar uma plano.Claro que não seria um grande plano, mas desde que me mantesse viva, já estava bom.
  Formulei algo rapidamente e me virei.A criatura voava em minha direção.Esperei que se aproximasse o máximo possível e no último instante desviei.A harpia passou direto por mim.Ok, primeira parte concluída, agora só faltava a segunda.
  A criatura parou no ar, e antes que desse meia volta, joguei o dedo de dinossauro em suas costas, e ela caiu, porém ainda respirava.Como havia sobrevivido?!Mas antes que eu pudesse fazer algo, Carter se aproximou e cravou a faca nela, que se desfez em partículas de pó dourado.
  Neste momento ele me fitou, e não consegui mais segurar.Irrompi em lágrimas.Não costumava ser emotiva, mas aquilo foi tão sinistro que não pude evitar.Carter me amparou e disse:
   -Não se preocupe.Sei que tudo está meio confuso mas logo vai se esclarecer.Vou te levar até o Acampamento Meio-Sangue.
  Eu simplesmente assenti e rumamos para  tal Acampamento.
avatar
Sarah Parker
Indefinido
Indefinido

Mensagens : 1
Data de inscrição : 15/06/2013

Ficha do personagem
Atributos:
Nível: 1
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Angelique Bittencourt em Ter 3 Set - 16:41


Ficha de Reclamação


Nome:Angelique Bittencourt
Idade:16
Progenitor:Éris
Motivo: [Minimo 2 linhas]Porque sempre me via no espelho de Éris.Quero ser filha dela,porque não me imaginaria filha de outro deus,porque mesmo tendo vários atributos o meu passatempo favorito é acabar com a paz,onde quer que haja paz,estarei lá para fazer reinar o caos e a discórdia.

História: Era um dia como outro qualquer,eu não era a melhor aluna da Princeton High,era a mais encrenqueira da escola.
Um dia para me divertir,resolvi acabar com o namoro do melhor casal da escola,Bianca e Felipe.
Eu tinha uma melhor amiga,que não sabia sua verdadeira identidade,então achava que ela era uma aluna normal, o nome dela era Lia.Loira,olhos verdes,pele clara não muito alta deveria ter 1,64 de altura.
Eu era ótima com chicotes,era a arma que eu fazia aulas desde os 9 anos.
Então Lia disse:
–Eu sou uma ninfa e você uma semideusa angel.

 Então eu disse espantada:
–Impossível,está me dizendo que deuses do Olimpo existem e que eu sou uma semideusa?
–É exatamente,o que estou dizendo.
Disse Lia com um sorriso.
Então ela disse:
–Agora arrume suas coisas e vamos para o acampamento meio sangue.
Fui para minha mansão em Nova York,eu morava em Manhattan com o meu pai Pierre Bittencourt,que tinha olhos verdes e cabelos loiros,sua pele era extremamente clara,tinha 1,82 metros de altura e era professor em Harvard.
–Você descobriu a verdade?
Perguntou ele receoso:
Sim pai,respondi esboçando um sorriso.
Então Lia subiu comigo,me ajudando a arrumar as coisas e disse:
–Temos que ir,antes que venham atrás de você.
–Quem?
Perguntei em dúvida:
–Monstros
Respondeu ela receosa.
–Posso ao menos me despedir de meu pai?
Perguntei:
Ela só me olhou e disse:
–Deixe um recado,ele vai entender e você estará mais segura no acampamento.
Deixei um recado de despedida para o meu pai,dizendo tchau e que o amava muito.
Então seguimos para o acampamento.
Andamos mais uns 5 quilômetros e quando estávamos perto da entrada quando apareceu uma hidra.
Lia disse:
–Não corte a cabeça dela,ou vão nascer novas.
–Não precisa me dizer o que eu já sei Lia.
Disse em resposta.
Peguei o meu chicote elétrico,porém simples que Lia havia me dado de aniversário e ela mandou:
–Ataque o coração!
Liguei o chicote e apertei no botão de esticar até alcançar a Hidra.
Quando enfim chegou perto,apertei no botão verde e foi transmitida uma carga de 10000 volts.
Então Lia disse:
–Vamos entrar logo,antes que mais monstros cheguem.
Assenti e entramos no acampamento.
avatar
Angelique Bittencourt
Indefinido
Indefinido

Estado Civil : Solteiro(a)
Mensagens : 3
Data de inscrição : 01/09/2013
Idade : 20

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum